Mais aventuras e dicas da Ilha do Mel – PR, Brasil | Parte 2

Resumo: a Ilha do Mel tem um clima rústico de um lugar que parece que parou no tempo de ruas pequenas e sem asfalto com locomoção por trilhas de terra e praias quase desertas. Confira os últimos dias do nosso roteiro e as dicas para você conhecer este lugar.

[Confira o roteiro do nosso primeiro dia na Ilha do Mel aqui]

DIA 2 – A Fortaleza e o Farol

Acordamos um pouco mais tarde no segundo dia da nossa viagem a Ilha do Mel, afinal passamos a noite anterior dormindo no ônibus para chegar até a ilha e depois tivemos um dia intenso de passeios!

Tomamos o café da manhã na pousada às 09:30h e eu aproveitei para correr na praia enquanto o restante do grupo ainda acordava.

Depois decidimos ir de barco até Brasília (R$15/pessoa) para poupar energias pois havia a possibilidade de fazer todo o trajeto de volta a pé durante a noite pois os fotógrafos queriam tirar algumas fotos noturnas por lá e ainda existia a expectativa de ir para o forró depois! rs

Chegando em Brasília, caminhamos até a Praia do Limoeiro que fica próxima ao Istmo que divide as duas partes da ilha. Voltamos e do outro lado da ilha fomos até a Praia do Farol que fica entre o morro do Farol das Conchas e a Praia da Fortaleza. Lá encontramos um barqueiro que ofereceu levar e buscar nosso grupo até a Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres (R$10/pessoa). Como estávamos poupando energias para a noite, nós aceitamos a proposta!

Praia do Farol na Ilha do Mel
Os Trilheiros na Praia do Farol – Ilha do Mel, PR

A Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres foi construída em 1.767 com o objetivo de proteger a baía do Paranaguá e seu porto. É possível ir até esta atração por uma trilha que beira a Praia da Fortaleza, a trilha tem uma distância de 4km e duração estimada de 01:30h desde Brasília.

Frente Fortaleza de Nossa Senhora dos Prazeres na Ilha do Mel
Entrada para a Fortaleza da Nossa Senhora dos Prazeres – Ilha do Mel, PR

Logo na entrada da Fortaleza, há uma base com diversos canhões e uma bela vista do mar. Depois subimos ao topo do mirante aonde ficam vários canhões históricos e tem uma vista panorâmica. Dica: leve repelente pois há muitos mosquitos nesta trilha para o mirante.

Vista do Mirante na Fortaleza Nossa Senhora dos Prazeres na Ilha do Mel
Vista do Mirante na Fortaleza Nossa Senhora dos Prazeres – Ilha do Mel, PR

Voltamos e fomos almoçar na Vila Brasília.

Depois do almoço fomos para a Praia da Fortaleza que é bem plana e tem um pedaço largo de areia batida. Haviam várias pessoas passeando de bicicleta por lá.

Entardecer na Praia do Farol na Ilha do Mel
Entardecer na Praia do Farol – Ilha do Mel, PR

Voltamos para a Praia do Farol para ver o por do sol. Segundo o planejamento de astrofotografia, a lua nasceria bem atrás do Farol das Conchas e neste dia ela estaria 100% visível… se não fosse o tempo que começou a fechar! rs

Mesmo com as nuvens e o vento gelado que começou a surgir, o momento do sol indo embora e da lua nascendo atrás do farol foi incrível. As nuvens inclusive deram um ar mais dramático na paisagem!

Anoitecer no Farol das Conchas na Ilha do Mel
Anoitecer no Farol das Conchas na Ilha do Mel

Como o tempo fechou e esfriou, nós desistimos de subir o morro do Farol das Conchas. Haviam muitas nuvens e não conseguiríamos ver nenhuma estrela no céu muito menos fotografá-las. Mas dizem que vale a pena subir o morro pois tem uma vista panorâmica de quase toda a ilha!

Por do Sol entre nuvens na Praia do Farol na Ilha do Mel
Por do Sol entre nuvens na Praia do Farol – Ilha do Mel, PR

Para nossa sorte, encontramos um barqueiro que já estava de saída da Vila Brasília e pegamos uma carona até a Vila Encantadas, se não fosse ele teríamos outra aventura em fazer todo o percurso de volta caminhando durante a noite. Lembrando que a ilha não tem iluminação pública então a lanterna é essencial mesmo para sair à noite para jantar! rs

Chegamos na pousada, tomamos um banho e ainda deu tempo de jantar no restaurante que a nossa agência havia reservado! E ainda queríamos aproveitar o tão famoso forró da ilha. Primeiro fomos até a Praça de Alimentação, mas como a turma só começa a chegar lá depois da meia noite, acabamos ficando num outro barzinho que estava bem animado!

DIA 3 – Aula de stand up paddle e retorno da Ilha

Nosso barco estava previsto para partir às 11h da manhã. Então acordamos cedo para dar um último mergulho no mar e experimentar o stand up paddle num quiosque que vimos na própria Vila Encantadas.

Mas o dia amanheceu bem nublado e chuvoso. Passamos no local do quiosque e não havia ninguém, mas como era cedo poderia não ter sido aberto ainda. Então demos um pulo até a Praia do Mar de Fora para dar um mergulho. Os meninos entraram no mar, mas como estava meio frio eu não tive coragem e só corri na orla da praia.

Voltamos e para nossa sorte, o pessoal do stand up paddle estava lá! Eram quase 10h da manhã então negociamos 30 minutos de aula e diversão! rs

Mesmo chovendo, fazer stand up paddle foi uma delícia! O mar estava bem calmo e quase sem ondas então até que conseguimos praticar bastante sem grandes emoções!

Voltamos para a pousada, tomamos um banho e arrumamos nossa mochilas rapidamente para voltar. Antes de subir no barco, aproveitamos um último açaí na tigela e nos despedimos da ilha!

Dicas:

  • Quando ir: nas nossas pesquisas vimos que chove bastante durante todo o ano na Ilha do Mel, ou seja, não tem uma estação de seca. Atenção para o inverno pois as temperaturas são bem baixas e ficam em torno de 10 graus.
  • O que comer: opções de lanches e refeições não faltam na ilha principalmente nas Vilas Encantadas e Brasília. Mas tem duas coisas que nós gostamos bastante: peixe e açaí na tigela! rs
  • Aonde ficar: as pousadas e campings ficam concentrados na Vila Brasília e Encantadas. A Vila Encantadas é mais rústica e tranquila e a Vila Brasília mais movimentada e tem uma boa localização para as trilhas. Nós ficamos na Vila Encantadas porque tínhamos o objetivo de fazer um foto noturna da Gruta de Encantadas que fica a 15 minutos da vila.
  • Links de interesse: a agência que fez a nossa viagem para a Ilha do Mel foi a Turma do Horto com um pacote que incluía desde o transporte até a ilha, balsas, pousada com meia pensão e alguns passeios de barco e trilha. Eles são bem organizados e atenciosos, fazem outros passeios inclusive também. Como falamos anteriormente, o acesso à Ilha do Mel é por barco a partir de Paranaguá (1 hora de viagem) ou de Pontal do Paraná (30 minutos de viagem). Você pode confirir os horários dos barcos aqui.

[Confira o roteiro do nosso primeiro dia na Ilha do Mel aqui]

 Galeria de Imagens:

Lu | Trilheiros.net

Blog para quem ama aventuras explorando novos lugares, curtindo a natureza e aproveitando a vida

Um comentário em “Mais aventuras e dicas da Ilha do Mel – PR, Brasil | Parte 2

Deixe uma resposta