Bate e volta no Pico dos Marins – SP, Brasil

O Pico dos Marins é uma das nossas montanhas preferidas e foi nosso destino para sair da rotina urbana, respirar ar puro e almoçar com a vista privilegiada do seu topo.

Num feriado, estávamos de bobeira passeando desanimados no shopping (só passeando mesmo porque já deixamos de viajar para economizar rs). Até o Jr ter a brilhante idéia de fazer um bate e volta na montanha!

Pensamos em algumas opções e a melhor foi o Pico dos Marins, que é inclusive uma das nossas montanhas preferidas (confira os detalhes do Pico dos Marins AQUI). O objetivo era passar o dia na natureza, liberar endorfina e sair um pouco da rotina urbana. E depois de tudo isso, voltar no mesmo dia para ficar com a Leica (nossa cachorra) com a energia recarregada.

Rumo ao Pico do Marins blog trilheiros
Rumo ao Pico do Marins blog trilheiros

Saímos de SP Capital às 5h am rumo às montanhas! Tomamos café da manhã na estrada e chegamos no acampamento base do Marins às 08:30h am. Conversamos com o responsável pela base aonde deixamos nosso carro e descobrimos que a montanha estava tranquila apesar do feriado. Fomos um dos últimos a começar a subir.

Chegamos no Morro do Careca aonde fizemos uma pequena pausa para fotografar. Uma pena que o dia estava nublado, mesmo assim sentimos bastante calor devido ao esforço da subida.

Panorâmica no Morro do Careca em Ataque Pico do Marins blog trilheiros
Panorâmica no Morro do Careca em Ataque Pico do Marins blog trilheiros

Apesar de já conhecermos o Pico dos Marins, essa trilha é sempre desafiadora. A navegação é mais complicada pois os indícios de trilha ficam menos evidentes nas pedras e a escalaminhada que vez ou outra interrompe nosso ritmo de caminhada ou para pensar na melhor forma de escalar ou para recuperar o fôlego e os músculos!

Pico do Marins blog trilheiros
Pico do Marins blog trilheiros

Para mim especialmente, além do esforço físico, preciso concentrar meus esforços nos paredões de rocha que me dão um friozinho na barriga (já escorreguei num desses paredões e fiquei estirada que nem uma lagartixa rs). Uma coisa que me ajudou muito tanto na parte técnica como no controle emocional foi o curso de escalada em rocha (veja as dicas AQUI), antes eu via uma parede lisa e escorregadia, agora enxergo as fissuras e sigo com mais confiança na escalada.

Durante a subida, há diversos trechos com paisagens inspiradoras… admirar essas paisagens por alguns minutos fazem o esforço valer a pena.

Ataque Pico do Marins blog trilheiros
Ataque Pico do Marins blog trilheiros

Fizemos uma parada para lanche e algumas boas e longas respiradas relaxantes no ar fresco da montanha…

Chegamos no cume do Pico dos Marins às 13:30h após 4 horas e 50 minutos de trilha, percorremos 5,94km com 925m de elevação acumulada. Animação e empolgação pela conquista vão passando com as nuvens lá embaixo trazendo paz e felicidade ao espírito.

Mar de nuvens no Pico do Marins blog trilheiros
Mar de nuvens no Pico do Marins blog trilheiros
Vista do Pico do Marins blog trilheiros
Vista do Pico do Marins blog trilheiros

Almoçamos um singelo sanduíche com chocolate para sobremesa, mas foi um almoço incrível num local de vista privilegiada. Descansamos, curtimos a paisagem e após 1 hora da nossa chegada ao pico, começamos a descida para chegar na base antes de escurecer.

Ataque Pico do Marins blog trilheiros
Ataque Pico do Marins blog trilheiros

Chegamos na base do Pico dos Marins às 18:37h horas – missão cumprida!

Trilheiros em Ataque Pico do Marins blog trilheiros
Trilheiros em Ataque Pico do Marins blog trilheiros

Lu | Trilheiros.net

Blog para quem ama aventuras explorando novos lugares, curtindo a natureza e aproveitando a vida

Deixe uma resposta