Um espetáculo no Capim Amarelo, Serra Fina – SP e MG, Brasil

Passamos o final de semana no Capim Amarelo na Serra Fina para admirar um dos espetáculos da montanha: o céu. Disputa acirrada do evento mais bonito entre o por do sol multicolorido e a noite de infinitas estrelas da via láctea.

Há poucos meses fizemos a trilha até o Alto do Capim Amarelo na Serra Fina para acampar no cume (confira o relato AQUI). Nesta ocasião, tivemos um final de semana com lua cheia então as estrelas não estavam tão visíveis. Mas ficamos tão encantados com a beleza da trilha que decidimos voltar e dessa vez, com a oportunidade de fotografar as estrelas da via láctea.

Mochilas feitas, pegamos a estrada na sexta-feira à noite. Chegamos na base para deixar o carro e iniciar a trilha por volta da meia noite. Como já conhecíamos a trilha, fizemos a subida tranquilos mas em ritmo bom.

Depois de 3 km, às 0:10h chegamos no platô para acampar. Montamos nossa barraca e o Jr aproveitou para tirar algumas fotos do céu estrelado. Estava bem frio mas o problema foi o vento que atrapalhou bastante a nossa noite de sono balançando a barraca.

Acordamos pela manhã na expectativa de um trégua do vento, mas sem sucesso rs O vento continuava muito forte…

Alguns trilheiros passaram o nosso acampamento de madrugada rumo ao Alto do Capim Amarelo para chegar cedo no cume e garantir um lugar para a barraca. Como o nosso objetivo era acampar antes do Alto do Capim Amarelo, tínhamos mais tempo para tomar o café da manhã sossegados. Sim! O espetáculo que gostaríamos de conferir não era no cume, mas o trecho da trilha que fica na crista das montanhas para conferir o por do sol e as estrelas de lá.

Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros

Esqueci de comentar que na primeira vez que fizemos a trilha do Capim Amarelo, conhecemos um montanhista que levou seu cachorro para treinar com ele. E ficamos com vontade de levar a Leica conosco para a montanha. Ela já fez algumas trilhas e até acampou (confira as dicas AQUI para levar seu cachorro na trilha) mas nunca tinha feito uma montanha de verdade. Como já conhecíamos a trilha e faríamos um trecho menor, decidimos levá-la conosco.

A Leica estava muito animada com a experiência! Durante toda a subida, escolhia os melhores caminhos mantendo foco na trilha, guiava um pouco a frente mas esperava nosso comando para prosseguir.

Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros

Às 10:30h chegamos num platô que fica na base da montanha do Alto do Capim Amarelo perfeito para acampar (1,7 km desde o acampamento da noite anterior). Bem reservado, um pouco afastado da trilha para não atrapalhar a passagem e com bastante arbusto para proteção contra o vento. Tinha até uma área na frente da barraca que parecia um quintal para refeição e descanso. Como a maioria acampa no cume, só tinha a nossa barraca por lá.

Almoçamos e aproveitamos para tirar um cochilo pois dormimos pouco na noite anterior devido a ventania.

Por volta das 17h saímos para passear e procurar um lugar gostoso para ver o por do sol.

Aos poucos os raios de sol começaram a dourar o capim seco das montanhas e o céu multicolorido formaram um belíssimo espetáculo. Éramos só nós três para admirar aquilo tudo. Sentados no chão sem luxo nem requinte, mas num momento de grandeza. É incrível como a natureza é ao mesmo tempo simples e majestosa…

Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros
Por do sol no Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Por do sol no Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros

A mente esvazia de preocupações e relaxa acompanhando o sol descendo no horizonte até desaparecer.

Por do sol no Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Por do sol no Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros

Esperamos pouco mais de meia hora no escuro mesmo e outro espetáculo surge no céu: a via láctea.

Via Láctea no Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Via Láctea no Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros

Voltamos para nosso acampamento ainda extasiados com o visual para preparar o nosso jantar. Comida gostosa, chá quente e barraca aconchegante = boa noite de sono.

Dormimos muito e acordamos já com sol forte. Tomamos o café da manhã e arrumamos nossas coisas para voltar.

No caminho de volta, a Leica estava cansada (ela simplesmente travou nas pedras e não quis descer mais rs). Então eu o Jr revezamos o cachorro no colo… Quando terminou a descida íngrime, ela conseguiu continuar por conta. 🙂

Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros

Quando chegamos na Toca do Lobo às 11h, fizemos uma pausa para refrescar no rio. Só mais alguns minutos de caminhada, e chegamos no carro para voltar para casa.

Capim Amarelo - Serra Fina | Trilheiros
Capim Amarelo – Serra Fina | Trilheiros

Lu | Trilheiros.net

Blog para quem ama aventuras explorando novos lugares, curtindo a natureza e aproveitando a vida

2 comentários em “Um espetáculo no Capim Amarelo, Serra Fina – SP e MG, Brasil

  • 17 de fevereiro de 2017 em 08:51
    Permalink

    Oi, tudo bom? Queria saber como você fizeram para chegar até o começo da trilha com o cachorro? Foram de carro? Tem alguma indicação de onde estacionar?
    Geralmente faço trilha com meu Sheltie, mas só encontro relatos de como chegar na trilha de ônibus, que no geral não aceita animais, e ele é muito grande para colocar numa caixa de transporte.
    Obrigada!

    Resposta
    • 18 de fevereiro de 2017 em 17:27
      Permalink

      Oi Marcella! A gente foi de carro até Passa Quatro (MG) que está cerca de 250 km de distância de São Paulo. No acesso a Passa Quatro na SP-052, a entrada está no 2º trevo onde tem o restaurante Pé de Pano e o acesso ao Refúgio Serra Fina. Seguimos mais 14 km até uma clareira aonde deixamos os carros estacionados próximos à placa verde indicando o início da Travessia Serra Fina na Fazenda Santa Amália. Abraço Lu

      Resposta

Deixe uma resposta